Um pouco de mim...

Minha foto
São Paulo, São Paulo, Brazil
Amo amar, amo minhas filhotas, minha família, artesanato, amo dar aula, plantas, animais, decoração, culinária, amoooo namorar...e, amo, tudo o que faz bem aos olhos e ao coração.

domingo, 22 de abril de 2012

Meus lindos cachorrinhos
Lindos demais, não são? 
 Carinha de "me pega no colo?".

Nem vem, sou o dono do pedaço!!!

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Casa na árvore...quem nunca quis ter uma?
Nos filmes mais antigos, em algumas novelas, lá estão elas...umas mais simples, outras parecem que foram feitas por arquitetos.
Quantas coisas por trás delas...segredos, fantasias, esconderijo, quantas histórias...
Encontrei algumas e vou mostrar para vocês:

 Na verdade, eu tinha pensado em algo mais simples...um cômodo só...rsrsrsrs...

sábado, 14 de abril de 2012

Brincando de esconde-esconde

Brincadeira de criança, como é bom, como é bom...
Quem quer brincar de esconde-esconde põe o dedo aqui!












 



 A C H  O U:

 

Ponto Cruz

( Amo galinhas! )
Eu aprendi quase tudo o que sei, com minha querida mãe. 
Uma das coisas que aprendi com ela e apaixonei-me à primeira vista, foi bordar em ponto cruz. 
Quem nunca tentou, deveria fazê-lo!
Ela sempre foi muito caprichosa, fez um jogo de toalha e roupões para mim com bordado de passarinhos que ficou maravilhoso!
Bordar em ponto cruz relaxa, dá prazer...dá vontade de bordar cada vez mais...e não se vê a hora de ver o trabalho pronto.
Tenho vários trabalhos iniciados e incompletos, devido à falta de tempo...mas, se Deus quiser, ainda os finalizo e mostro para vocês.
Selecionei umas vaquinhas lindas, "AMO VAQUINHAS", para mostrar para vocês:
 Ah, só de escrever estas linhas, me deu uma vontade de bordar...

domingo, 8 de abril de 2012

Hum...pastel!


Conheça a história do pastel e aprenda receitas

Presente da feira livre ao restaurante mais sofisticado, o eclético pastel caiu no gosto do brasileiro

 

Por Adriano Lira

Quem nunca teve vontade de provar um delicioso pastel, muitas vezes deixando o regime de lado e caindo em tentação? Na feira, em um bar ou até mesmo em um restaurante de primeira, a massa recheada com ingredientes diversos está lá, servindo de acompanhamento ou como uma prática opção de prato principal.

Salgado ou doce, assado ou frito e com sabores variados, o pastel se tornou um legítimo exemplo da criatividade brasileira. A origem da receita, no entanto, não é das mais claras.

Segundo o professor Ricardo Maranhão, da Universidade Anhembi Morumbi, coordenador do Centro de Pesquisas em Gastronomia Brasileira, o pastel tipicamente brasileiro, frito, é originário da Europa. “Na Idade Média, havia várias receitas de massas recheadas que eram levadas ao forno. A ideia de fritar o pastel surgiu na Península Ibérica, no fim desse período”, afirma.



No entanto, de acordo com Marcelo Angele, professor de gastronomia do Senac, o pastel é derivado do tradicional Rolinho Primavera da culinária chinesa e do gyosa japonês. “A introdução do pastel no Brasil se deu por meio de imigrantes chineses, que tiveram de se adaptar aos ingredientes disponíveis por aqui”, conta.

Se foram os chineses os “criadores” da receita, então por que vemos tantos japoneses fritando pastéis em feiras e pastelarias em todo o país? O professor Angele explica: “Por conta da Segunda Guerra Mundial, os japoneses abriram pastelarias no intuito de se passarem por chineses, livrando-se, dessa forma, da discriminação que havia na época em razão da aliança entre alemães, italianos e japoneses, inimigos do Brasil no conflito”.

Independentemente da origem, o pastel caiu no gosto do brasileiro. “O preço e a combinação de recheios agradam a todas as classes sociais. Nas feiras, a criatividade entrou em cena e hoje temos vários tipos, salgados ou doces. As inovações são muitas, passando por diversas formas, tamanhos e sabores”, conta o chef e consultor gastronômico do Bar Brahma, Moacyr Rodrigues. Alguns exemplos são o Pastel de Pulpo (com recheio de polvo e cream cheese), especialidade da Suri Cevicheria, o pastel de queijo brie, geleia de amora e pimenta do restaurante Tantra e os Irish Pastries (pastéis assados com recheio de carne e legumes), do All Black Irish Pub, ideal para quem prefere ficar longe das frituras.

Segundo Moacyr, o segredo de um bom pastel é ter uma ótima massa, além de recheios e ingredientes de qualidade. Sendo assim, que tal dar uma olhada nas receitas abaixo e se deliciar com essa iguaria tipicamente brasileira no conforto de sua casa?
..........................................................................................................................................................................................................................